HISTÓRICO


Pelo menos desde a década de 1930, já havia no Rio Grande do Sul médicos dedicados a atender questões relacionadas à otorrinolaringologia. Por iniciativa do professor Ivo Correa Meyer, fundou-se, em 1934, a Sociedade de Oftalmo-Otorrinolaringologia, numa interação entre os médicos, que se dedicavam às duas especialidades, até que em dezembro de 1960, descontentes com a programação da entidade, os otorrinolaringologistas gaúchos votaram pelo seu desmembramento na Assembléia Geral da Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS).

Em quatro de janeiro de 1962 o Conselho Deliberativo da AMRIGS, sob a presidência do Dr. José Luiz Tavares Flores Soares, cria o Departamento de Otorrinolaringologia e Broncoesofagologia. Em cinco de outubro de 1962, um pequeno grupo de especialistas reuniu-se para aprovar o regimento interno do novo departamento. Estiveram presentes àquela reunião, tendo assinado a primeira ata: Julio Ethur Bocaccio, Ivo Adolpho Kuhl, Israel Schermann, Rudolf Lang, Diogo Ferraz Filho, Arnaldo Linden, Eberhardt W. R. Gehring, Natalino Marcon, Lício Maia Pavani, José de Oliveira Santiago, Breno Difini, João Pacheco Soares Xavier, Pedro Vieira, Nathan Goldenberg e Ítalo Marranghelo. A primeira diretoria do Departamento, eleita em 29 de novembro de 1962, ficou assim constituída: Presidente: Julio Bocaccio; Primeiro Secretário: Lício Maia Pavani; Segundo Secretário: Arnaldo Linden.

O segundo grande momento da ASSOGOT-CCF vai acontecer durante a terceira gestão de Manoel Antonio de Macedo Linhares no ano de 1986, que marcou a criação da Sociedade Gaúcha de Otorrinolaringologia (SOGOT). Um movimento nacional, que foi orquestrado com apoio de lideranças da especialidade, destacando-se entre elas o paranaense Antônio Celso Nunes Nassif, um incansável incentivador na formação das sociedades em todos os estados brasileiros. A partir deste impulso a otorrinolaringologia no Rio Grande do Sul passa a ter identidade própria, uma diretoria ativa e representatividade reconhecida em todo o Brasil.


Os 50 anos da ORL gaúcha

O ano de 2012 marcou os cinqüenta anos da criação da Associação Gaúcha de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico Facial (ASSOGOT-CCF). Criada em 1962, como um departamento de otorrinolaringologia da Associação Médica do Rio Grande do Sul, a ASSOGOT-CCF, foi ao longo de sua trajetória, construída por grandes médicos expoentes da Otorrinolaringologia do Brasil.

Este marco histórico foi o que moveu um grupo de entusiastas, a organizar o trabalho de pesquisa que resultou na publicação Otorrinolaringologia Gaúcha - Cinqüenta Anos. O livro é um apanhado de fatos políticos e culturais ao redor do mundo, entremeados com acontecimentos relevantes na especialidade, resgatando episódios memoráveis acontecidos nestas cinco décadas. Na forma de pequenas biografias, pretende homenagear os homens que construíram a grandeza da entidade que hoje congrega os otorrinolaringologistas no Rio Grande do Sul.

Os médicos gaúchos José Selligman, Josué Vânius Hoewell e Sergio Kalil Mousalle descrevem também fatos pitorescos e divertidos ocorridos durante estes cinqüenta anos de convivência.

Abaixo alguns trechos da obra:

Sobre Rudolf Lang:

“O ano de 1973 também lhe reservou grandes emoções. Foi convidado a criar o Serviço de Otorrinolaringologia da nova Faculdade de Medicina da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e foi seu primeiro professor titular. Sua vocação de otologista o levou a criar, no mesmo ano, a Sociedade Brasileira de Otologia, dirigindo o primeiro Congresso da supra especialidade em Porto Alegre.” - por S. Moussalle

Sobre Manoel Linhares:

“Em 1985, o Departamento de Otorrinolaringologia da AMRIGS escolheu mais uma vez Manoel Antônio para Presidência. Essa foi sua gestão mais profícua e que marcou a criação da Sociedade Gaúcha de Otorrinolaringologia (SOGOT) em 1986, orquestrada com apoio de lideranças da especialidade, destacando-se entre elas o paranaense Antônio Celso Nunes Nassif...” – por J. Vânius Hoewell

Sobre Julio Ethur Bocaccio:

“Em sua gestão, os associados do Departamento participaram de sessões científicas, entre as quais, “Técnica de colheita de material nas otites supurativas”, ministrada por Rudolf Lang, “Cirurgia da janela oval”, por Leon Knijnik e “Tumores dos seios da face”, por Jorge Valentim.“Reeleito em 1964, organizou conferências como a de Ivo Adolpho Kuhl sobre “Vertigens”, “Foniatria”, por Leon Knijnik e pela professora Mauricila Moogen e “Considerações sobre as curvas audiométricas”, pelo colega carioca Aziz Lasmar.” – por J. Seligman

Sobre Renato Roithmann:

“Em 1999, como presidente da SOGOT, inaugurou um novo estilo de gestão, voltada para a interiorização da sociedade, com cursos itinerantes em diversas cidades, procurando trazer o médico do interior para o seio da discussão, no sentido de dar maior abrangência a nossa entidade. Durante sua gestão foi criado o primeiro Congresso Gaúcho de Otorrinolaringologia...”--J. Vânius Hoewell

Sobre Luiz Lavinsky:

“Vocês sabem que eu tenho um irmão gêmeo que não pode ser mais parecido comigo. Ele é oftalmologista e trabalha, como eu, no Hospital de Clínicas. Pois, um dia destes, entrei num daqueles elevadores imensos que, talvez pelo adiantado da hora, estava quase vazio. Apenas eu e a ascensorista, uma moça que, desconfio, seja nova no métier. Ela me olhou de alto a baixo e falou:
- O senhor trocou de casaco, doutor?...
- Menina, por favor, não espalhe. Ocorre que, há cerca de 20 anos, um tio meu, que, na época, era muito parecido comigo, depois de longa enfermidade, morreu neste hospital. Já me contaram, algumas vezes, que o viram perambulando pelos corredores, vestido com um casaco marrom, que ele usava quando faleceu...” - Luiz Lavinsky.

Sobre Nédio Steffen:

“Nascido em 1946, em um lugarejo chamado Bom Fim, foi registrado na Vila de Feliz, distrito de Bom Princípio, pertencente ao município de São Sebastião do Caí. ...Ainda jovem, aos 11 e 12 anos, estudou em Juvenato (instituição religiosa para formação de Irmãos Maristas). Sem seguir a vocação religiosa, acredita que esse período foi determinante em sua disciplina, perseverança, determinação e tenacidade.”- - por S. Moussalle

Sobre Berenice Dias Ramos:

“Berenice acredita que os jovens otorrinolaringologistas devem procurar sempre participar das atividades associativas, pois o convívio com os colegas é uma oportunidade de troca de conhecimentos, experiências e emoções que jamais deve ser desperdiçada.”- - por J.Seligman

Sobre Nicanor Letti:

“Em 1965, volta para a Anatomia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), agora entusiasmado com a habilidade que adquiriu em trabalhar com ossos temporais. A partir daí, nascia um novo otorrinolaringologista...Rudolf Lang passou a freqüentar o Instituto de Anatomia para ver o Letti dissecar. Com o aumento da convivência, convidou-o para trabalharem juntos, mas Letti não aceitou... Em 1967, finalmente aceitou convite de Lang.”- - por S. Moussalle

Sobre Simão Levin Piltcher:

“Simão Piltcher nasceu em Pelotas, filho de imigrantes judeus poloneses, que se radicaram na cidade por volta de 1929. Comerciantes pobres, os jovens pais de Simão quase desistiram de fixar-se no Brasil pelo grande choque cultural que encontraram ao chegar. A família aos poucos estabeleceu o seu comércio e, com ajuda dos três filhos homens, viram os tempos melhorarem enquanto os meninos estudavam ... os três irmãos acabariam seguindo a medicina. Isaac, o mais velho, é oftalmologista, e Miguel, ortopedista...”- - por J.Vânius Hoewell

Sobre Osvaldo Müller:

“Cirurgião de extrema habilidade, nos anos 1990 foi o primeiro a realizar a técnica de Stafieri, na intercomunicação esôfago-traqueia para reabilitação vocal de pacientes laringectomizados. Iniciou em Porto Alegre a cirurgia de base de crânio, organizando inúmeras equipes multidisciplinares. Foi o pioneiro da cirurgia de cabeça e pescoço na UFRGS.”- - por J. Vânius Hoewell.


Todos os presidentes nestes cinqüenta anos

DOB* - Criado pela AMRIGS em 04/01/1962

*DOB: Departamento de Otorrinolaringologia e Broncoesofagologia


SOGOT* - 15/09/1986

*SOGOT: Sociedade Gaúcha de Otorrinolaringologia

ASSOGOT*

*ASSOGOT: Associação Gaúcha de Otorrinolaringologia



PUBLICIDADE